Você está mal por ter pecado?

Não sei se lhe chamou a atenção ou não a pergunta acima, mas se mexeu com sua mente trazendo aborrecimento ou incômodo, então isto é um bom sinal. No entanto você poderá pensar: “Que bom sinal tem em me lembrar sobre os meus pecados?”. O bom sinal é que você ainda não perdeu a consciência espiritual de que o pecado é um mau destruidor. Com certeza, ainda há, em algum compartimento de sua mente, a máxima bíblica de Romanos 6:23 que diz: “Pois o salário do pecado é a morte”.
O fato é que Deus, na sua imensa bondade e misericórdia, deixou uma consciência em todas as pessoas do que é bom e ruim. Se não fosse esta consciência deixada por Deus, ninguém começaria uma caminhada de busca por santidade em Cristo.
Já os que estão com Cristo possuem a presença do Espírito Santo, e mais intensa é esta ação de acusação da consciência quanto ao pecado. Graças a Deus temos estes pesos que nos vem ao coração. Estes pesos podem ser comparados às dores que o corpo sente quando está doente; pois, enquanto que alguns criticam a dor, os mais entendidos engrandecem por ela; o que é a dor se não um aviso de que algo está errado no corpo e precisa urgentemente ser tratado?
Assim é na vida espiritual, pois a dor que sentimos por algum pecado não é nada mais e nada menos que o Espírito Santo nos avisando que a fé está em perigo. Portanto, se você está mal com algum pecado, trate este momento como uma ação de Deus buscando avisá-lo que algo pior está por vir. Decida resolver este problema com a decisão de tomar o remédio para a cura do pecado, que é a confissão e abandono do mesmo. Guarde isto: “Jesus não lhe incomodará em algo que não possa lhe auxiliar”. Saiba que, o Deus que lhe fala, é o mesmo que irá lhe perdoar quando for a ele orando em arrependimento. Creia que o seu perdão está à distância apenas de uma oração. Creia que Deus é o Pai que ama, e continuará fazendo de tudo para você ser vitorioso.
Assim também o Espírito de Deus vem nos ajudar na nossa fraqueza. (Romanos 8:26)
Pr. André França

0 comentários:

Postar um comentário

 
Juventude Missionária © 2011 | Designed by Camila Zaponi